Procon/SJ fiscaliza agências bancárias para garantir mais qualidade ao atendimento

  • Primer TV
  • 14/May/2020
  • 0
  • O órgão notificou três agências que não estavam prestando atendimento preferencial a idosos e pessoas com deficiência

 

A pandemia da Covid-19 levou os estabelecimentos a seguirem novas regras para atendimento aos clientes, principalmente idosos, mais vulneráveis ao novo Coronavírus, e demais grupos como as pessoas com deficiência, que necessitam de atendimento especial nestes locais. Desta forma, o Procon de São José também intensificou as ações de fiscalização com o objetivo de garantir mais qualidades no atendimento prestado aos cidadãos.

Na última terça-feira (12), o órgão notificou três agências bancárias que estavam descumprindo a lei de preferência de atendimento em relação a idosos e pessoas com deficiência. Foi determinando o cumprimento das exigências da legislação no prazo máximo de 24 horas sob pena de serem autuadas e sofrerem punições em caso de descumprimento.

"Recebemos as denúncias nos nossos canais de comunicação e notificamos as agências in loco. Diante desta realidade iremos notificar todas as agências do município para que o atendimento preferencial às pessoas que possuem este direito seja garantido", informa o diretor do Procon de São José, Fabrício Vieira.

 Os bancos onde só os caixas eletrônicos estão funcionando devem adotar medidas como sinalização especial para indicar os equipamentos que são de uso preferencial para idosos ou pessoas com deficiência com o objetivo de facilitar a mobilidade destes clientes nos locais. 

A Prefeitura de São José estabeleceu novas medidas de cuidados pessoais em combate à Covid-19 a partir do decreto municipal 13311/2020. Entre as determinações está o uso obrigatório de máscaras para as atividades liberadas, assim como a higienização das mãos com álcool em gel 70% ou água e sabão. O documento orienta ainda para a intensificação das medidas de higienização e cuidado com clientes e funcionários de todos os setores.

Os supermercados e grandes lojas, por exemplo, deverão começar a fazer a medição da temperatura dos clientes a partir do dia 15 de maio, não sendo permitida a entrada das pessoas com mais de 37,8 graus. Neste caso deverá ser feito o comunicado ao Ligue São José pelo telefone 0800 580 3610.  

Comentar

0 Comentários