Gean Loureiro anuncia novas estratégias no combate ao Coronavírus

foto/divulgação: Divulgação PMF

Live

 

 

O Prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro, anunciou na tarde deste sábado (11), um novo sistema para testagem de pacientes suspeitos do novo Coronavírus. A ideia é que os pacientes atendidos e considerados casos suspeitos tenham três locais para realizar testes para o novo coronavírus. Os testes poderão ser realizados em drive-thru (provavelmente no bolsão da beira-mar), Centros de Saúde e por coleta domiciliar. 
 

Foi anunciada também a compra de 35 mil testes, entre rápidos e PCR. Para a testagem, o paciente, caso suspeito, deverá entrar em contato com um número que será divulgado em breve. 
 

Além da medida, Loureiro apresentou ao lado presidente do Hospital Baía Sul, Sérgio Brincas, e o diretor técnico Rafael Vasconcelos, do presidente da Associação Catarinense de Medicina, Dr. Ademar José de Oliveira Paes Junior e do secretário municipal de Saúde, Carlos Alberto Justo da Silva, um estudo de casos feito pela equipe técnica.   
 

O estudo apresentado demonstra que, sem intensificações das ações, em 30 dias não teremos vagas de UTI disponíveis na cidade. Também foi demonstrado que, caso haja a abertura ampla de comércio e afins, em 45 dias a previsão é de morte de 300 pessoas. 
 

Para conter esse número de mortes, a administração municipal propôs a manutenção das medidas de distanciamento social com a intensificação da testagem precoce, monitoramento intensivo e o decreto que fará com que, a partir do dia 17 de abril, todos sejam obrigados a usar máscaras caseiras para conter essa tendência. 
 

“Florianópolis foi uma das primeiras cidades a adotar o distanciamento social. O que nós fizemos provavelmente diminuiu 3 ou 4 vezes o número de contaminados que teríamos”, comenta Gean Loureiro. 
 

Trabalho na Passarela da Cidadania 
 

Na transmissão em rede social, Loureiro também relembrou o trabalho dos voluntários da rede solidária Somar Floripa, que têm se voluntariado na Passarela da Cidadania, que atende pessoas em situação de rua. Foi destacado ainda o agradecimento a costureiras e escolas de samba que têm auxiliado na confecção de máscaras. 
 

A transmissão em rede social terminou com o prefeito relembrando a toda a sociedade que:  “Quanto mais o isolamento funcionar, mais vai parecer que não estamos precisando dele”. 
 

Medidas para funcionamento de Bancos, óticas, materiais de construção e lotéricas: 
 

Lojas de materiais de construção, automotivas, óticas e lotéricas

- Preferencialmente atendimento agendado

- Limitar a 1 cliente por atendente. No máximo 1 cliente a cada 4 metros quadrados de chão de vendas da loja

- Distância mínima de 2 metros entre pessoas, incluindo clientes e vendedores

- Recomendação de ar-condicionado central desligado

- Todos com máscara

- Controle de acesso e fila externa com distância mínima de 2 metros entre clientes marcado no chão

- Lojas que não estiverem cumprindo a recomendação poderão ser fechadas. 
 

Bancos
 

- Limitar a 1 cliente por atendente, no máximo 1 cliente a cada 4 metros quadrados de chão de vendas da loja 

- Distância mínima de 2 metros entre pessoas, clientes e atendentes, incluindo caixas-eletrônicos

- Sugere-se a separação de horários de atendimento, com horário de atendimento exclusivo para as prioridades previstas em lei

- Recomendação de ar-condicionado central desligado

- Todos com máscara

- Controle de acesso e fila externa com distância mínima de 2 metros entre clientes marcado no chão
 

Supermercados
 

Até o final da próxima semana os supermercados terão que comprar termômetro infravermelhos, para mediar a febre de quem entra no espaço, fazendo com que quem já tem o sintoma não entre no estabelecimento. As pessoas em estado febril serão orientadas a ligar para o Alô Saúde imediatamente.  
 

Todos os estabelecimentos que atenderem pessoas sem máscaras serão fechados pela Vigilância Sanitária de Florianópolis, bem como locais que não seguirem outras orientações impostas pelo decreto.
 

Comentar

0 Comentários