Prefeitura lança programa Acelera Palhoça

Com ações, obras e projetos que somam R$ 50 milhões, a Prefeitura lançou na última quinta-feira (23) o programa Acelera Palhoça. Um pacote de investimentos que prevê obras nas áreas de educação, infraestrutura, mobilidade e segurança pública. No lançamento do programa, o prefeito Camilo Martins (PSD) fez questão de destacar que o programa é fruto de um trabalho de quase dois anos, onde foi realizado um planejamento e a gestão de tudo que poderia ser feito na cidade. Ele contou que desde 2013 ações de curto, médio e longo prazo foram realizadas, e com elas, diversos projetos, para que fossem colocados em prática. “Hoje estamos lançando um pacotão de obras. Queremos fazer da Palhoça novamente um canteiro de obras. Quando eu assumi, em 2013, falava-se que não existia rua de chão batido em Palhoça, mas quando eu caminhava por elas, eu vi que tinhas muitas. Em um levantamento, somamos mais de 1.200, e hoje já pavimentamos mais de 500 e agora no mínimo mais 50 serão feitas. Já fizemos muito, mas ainda temos muito para fazer e é só trabalhando que vamos fazer a coisa acontecer e assim fazer a nossa cidade ficar melhor”, acredita o prefeito. Eduardo Freccia, secretário de Infraestrutura, explicou que o programa é justamente para “acelerar e trazer benefícios ao município, para que o cidadão sinta o retorno da sua contribuição com impostos. Queremos mostrar que estamos buscando atender ao máximo as necessidades do nosso município”. Atendendo as necessidades do município em relação à segurança pública, o projeto prevê a aquisição de mais de 300 câmeras de monitoramento – segundo informou o prefeito, o número estaria próximo de 400 equipamentos. Uma ferramenta que promete ajudar a coibir a criminalidade dentro do município e também na atuação dos agentes de trânsito, como uma ferramenta que irá contribuir no tráfego de veículos nas vias da cidade.   Infraestrutura O projeto prevê também a execução da terceira etapa da Avenida das Torres, ligando o Jardim Eldorado ao Pagani, por meio do Passa Vinte. Em diversos bairros de Palhoça, a comunidade também será beneficiada com mais de 50 novas pavimentações, além de outras que serão realizadas por meio do programa “Mãos Dadas, Mãos à Obra”. Duas obras junto à marginal norte da BR-101 também serão executadas. Uma nova ligação entre a marginal da BR-101 e o Centro de Palhoça, pela Praça das Bandeiras, e uma ligação da área central da cidade à marginal da BR-101, pela rua Angélica Raulina Weingartner. O objetivo será o de melhorar consideravelmente o fluxo de veículos na área urbana. As obras fazem parte de um pacote de reivindicações, que a Prefeitura vem defendendo junto à concessionária do pedágio, Arteris - Autopista Litoral Sul. No início de maio, o prefeito promoveu reunião com diretores da concessionária e engenheiros do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), para acelerar a liberação das obras. Outros projetos para melhorar a mobilidade também serão executados, como a rótula que envolve a avenida Jacob Weingartner e o acesso ao loteamento Nova Palhoça, no Rio Grande; e conexão da rua Firenze Business com a rua Maria Leopoldina da Silva, no Pachecos.   Novas creches Na educação, entre os meses de agosto e setembro, a Prefeitura anunciou a entrega de cinco Centros de Educação Infantil (CEI), que juntos vão atender cerca de 600 crianças. No dia 14, a Secretaria de Educação já entregou à comunidade do loteamento Alaor Silveira, no São Sebastião, o CEI Roda Viva, com espaço para receber 160 crianças. No dia 21, foi a vez do CEI Conviver, no Jardim Eldorado. Na sequência, serão inauguradas as creches Criança Esperança, no Jardim Coqueiros, e Ciranda Colorida, no loteamento Miriam. O pacote de obras também define a construção de uma creche no bairro Aririú.   Novas áreas de lazer O Acelera Palhoça também vai contemplar a cidade com obras de revitalização de espaços públicos, como a Praça Sete de Setembro, no Centro; os parques do Aririú e do Madri; a construção de um deque na Praia do Sonho. A segunda etapa do parque da Barra e o parque da Ponte do Imaruim também estão previstos, além da primeira etapa da construção de calçada, ciclovia e recuos de ônibus na rua Alcino dos Navegantes Moreira, na Barra do Aririú.   Projetos e equipamentos A Secretaria de Infraestrutura define como prioridades, no programa Acelera Palhoça, a elaboração do projeto para construção de uma nova ponte sobre o Rio Cubatão (Guarda do Cubatão); projetos do Sistema de Esgotamento Sanitário do Distrito Sede e Região Sul do Município e projetos executivos de macrodrenagem. Para que todo o projeto seja possível, a frota da Secretaria de Serviços Públicos (Sesp) vai receber o reforço de novas máquinas e veículos pesados: três caminhões novos, duas retroescavadeiras, duas miniescavadeiras, uma patrola, um trator com implementos de roçada e uma draga. “Numa época em que muitos municípios nem mesmo pagam os salários dos funcionários em dia, resultado de uma crise que atinge o país, Palhoça está dando um bom exemplo, com o prefeito Camilo anunciando um pacote de obras, que serão realizadas em praticamente todos os bairros do município. Em conversas com os colegas vereadores, pude perceber que eles estão bastante satisfeitos com essa boa iniciativa da Prefeitura”, elogiou o presidente da Câmara, vereador Fábio Coelho, sobre a importância do programa Acelera Palhoça para o desenvolvimento da cidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *